MUNIZ FREIRE F. C. – DADOS GERAIS



NOME:

Muniz Freire Futebol Clube

CNPJ:

27478767/0001-87

O nome Muniz Freire, identificando o time à cidade capixaba, deve-se a José de Melo Carvalho Muniz Freire que ocupou os 1º. e 3º. períodos de Governadoria do estado do Espírito Santo após a proclamação da república.


SEDE:

Rua Walfredo Ribeiro Soares, s/nr. - Centro, CEP: 29.380-000 - Muniz Freire (ES).


FILIAÇÃO:

Federação de Futebol do Estado do Espirito Santo (1949).


ESTATUTOS:

Provisório - Aprovado em 21 de dezembro de 1930.

Definitivo - Aprovado em Primeiro de maio de 1934.

Registrado em Cartório em 13 de agosto de 1948.


UNIFORMES:

Uniforme principal, com as camisas em listras azuis e brancas em verticais, escudo no hemitórax esquerdo e gola em branco. Calções em branco ou azul com listra vertical aposta em ambos os lados. Meiões em azul, com listra em branco, na parte superior.

O uniforme secundário é todo branco, gola em azul, com escudo no tórax.


CORES:

As cores iniciais eram PRETO E BRANCO em listras verticais, conforme artigo 33 do Estatuto aprovado em 21.12.1930.

As cores AZUL E BRANCO passaram a vigorar a partir de 08.05.34, quando foi eleita nova diretoria e aprovado novo estatuto (artigo 69). Diz-se que ao escolher as novas cores do clube, seus idealizadores estavam indecisos, foi quando um deles, vendo o céu todo azul, com algumas nuvens brancas, gritou "AZUL E BRANCO".


FUSÃO:

Em 06.10.35 o Muniz Freire FC fez a incorporação do Sport Club Ypiranga, clube local já em fase de decadência, permanecendo o MFFC com as cores azul e branco e seu nome.


ESCUDO:

Autoria de Mariquinha Chrispim e Eugênia Bruno Tallon.


BANDEIRA:

Autoria de Bráulio Teixeira.


HINO:

Letra de Jair Dalvino da Silva, Ilda Alonso e José Martins.

Música inspirada em antiga marcha de carnaval.


FUNDAÇÃO:

Primeiro de Maio de 1930 (conforme Ata abaixo):

“Ata da primeira sessão preparatória para a fundação de uma sociedade esportiva na cidade de Muniz Freire (ES).

Primeiro dia do mês de maio de 1930, reunidos na Sede do Grêmio Recreativo "Ordem e Progresso", gentilmente cedida pelo seu digno Presidente Dr. João Barcellos Martins, nas pessoas abaixo mencionadas, foram lançadas as bases para a fundação de uma sociedade esportiva nesta cidade. Foi aclamado presidente da reunião o Sr. Evandro Pires Domingues, que convidou para secretariá-lo o Sr. João Barcellos Martins. Dada a palavra ao Sr. Presidente, este expôs rapidamente os fins da sociedade que se pretende fundar. Pelo Sr. Presidente foi proposto que desse o nome de "Muniz Freire Foot-bool Club" à sociedade, sendo aceito por unanimidade. E como ninguém mais quisesse fazer uso da palavra, o Sr. Presidente declarou encerrada a sessão, convocando outra para o próximo dia 04, a fim de se proceder à eleição da Diretoria definitiva.


Compareceram as seguintes pessoas:


Dr. Evandro Pires Domingues, Dr. João Barcellos Martins, Carmo De Biase, Sebastião Cândido de Oliveira, José de Ávila, Pedro Deps, Ivo Vieira da Costa, Duarte Miranda, José Augusto dos Santos, Luciano Aníbal Ribeiro, Luciano Duarte, José Aguilar, João Hércules Merçon, José Rocha, Carmine Chrispim, Miguel Cândido, Carlos Seroldi, Dormecindo Martins, João Martins, Adamastor Cassa, Rui De Biase, Astolpho Tallon, Walter Merçon, Joaquim Florêncio de Oliveira, Daodet Santos, José da Silva Oliveira, Arbe Cassa, Álvaro José Luiz, Antônio Gonçalves Martins, Argemiro José da Silva, Adalto Seraphim Ferreira, Mileto Deps, Orsini de Moraes, José Lúcio, Antônio Gomes, Jovino Pedro Ferreira, Antônio Gonçalves Bastos, José Olindo Thomaz, Ivo Aguilar, Antônio Medino Sobrinho, Abelardo Bueno, Júlio Cunha, Trajano Martins, Guilherme Augusto dos Santos, Antônio Lúcio, Pedro Duarte, Antônio Fitipaldi, Antônio Theodoro Thomaz, Acchilles De Biase e Ormando Moraes.


E para constar lavrou-se a presente ata, que vai pelo Secretário assinada, bem como o Presidente da reunião. Abelardo Bueno (Secretário) Evandro Pires Domingues (Presidente).”